The Notícia

Banco digital PJ: o que você precisa saber antes de contratar

A tecnologia trouxe muitas facilidades para o dia a dia das empresas, o banco digital pj é uma delas.

Em meio a tantas transformações digitais, a tecnologia tem se feito presente em todas as áreas, digitalizando processos operacionais a fim de otimizar gastos, seja de tempo e, principalmente, dinheiro.

Assim, a era de ter que ir até o banco abrir conta ou resolver questões bancárias ficou no passado. Com a chegada das chamadas fintechs, que foram as precursoras dessa nova era, até mesmo os tradicionais bancos estão buscando se adaptar à realidade tecnológica.

E isso é feito com o objetivo de evitar perdas de clientes. Afinal, agilidade e praticidade também podem ser sinônimos de economia para as empresas, tendo em vista as melhores ofertas e benefícios, além de não precisar gastar tempo, gasolina e estacionamento para se deslocar até uma agência.

Se você está começando a empreender ou já empreende há algum tempo, mas ainda não entende muito sobre banco digital pj e quais os reais benefícios dele, continue a leitura e veja tudo que você precisa saber antes de escolher e contratar o melhor para você.

O que são bancos digitais

Os bancos digitais estão cada dia mais difundidos no Brasil. Trata-se de instituições financeiras que oferecem uma alternativa de serviços financeiros totalmente digital e executam suas atividades de forma 100% online, ou seja, praticamente tudo que o cliente precisa é feito pela internet.

Da abertura de conta, ao esclarecimento de dúvidas, toda e qualquer atividade que o cliente precisar é feita diretamente pela internet, seja pelo app do banco ou pelo próprio site. O que isso significa? Que você se livra das filas, da burocracia, do trânsito, das tarifas excessivas, entre outros.

Dentre esses serviços bancários online estão:

  • Abertura da conta em banco
  • Tomada de crédito
  • Solicitação de cartão de crédito
  • Pagamento de contas
  • Pagamento de boletos
  • Atendimento ao cliente
  • entre outros

E o Banco Digital PJ

Ter uma conta corrente pessoa jurídica é importante para ajudar na organização e administração do seu negócio. Ter a possibilidade de usufruir dos benefícios dos bancos digitais também para sua empresa é ideal, certo?

O banco digital PJ consegue oferecer taxas mais baixas, já que, por serem digitais, deixam de necessitar de espaços físicos para atender seus clientes. Sendo assim, com todas essas atividades sendo executadas de forma online, essas instituições financeiras deixam de ter a necessidade de espaços dedicados a atender seus clientes.

Assim, agências, postos de atendimento e toda estrutura física tradicional dos bancos deixam de existir, o que reduz, e muito, o custo operacional.

É exatamente por essa redução de custos que os bancos digitais têm condições de oferecer serviços mais baratos ou até mesmo gratuitos aos seus clientes.

Como funciona?

Se você está preocupado com a qualidade do atendimento oferecido pelos bancos digitais, simplesmente pela falta de espaço físico, tire isso da cabeça.

Eles funcionam basicamente da mesma forma que os bancos tradicionais. O que muda é somente o fato de as operações serem feitas diretamente na plataforma digital do banco.

As atividades, como pix, pagamentos e também transferências de dinheiro, podem ser feitas pelo aplicativo do banco. Até serviços de investimento, como renda fixa e variável, por exemplo, podem ser feitos diretamente pelo sistema digital.

Alguns bancos oferecem, ainda, opções de remuneração para quem tem saldo na conta corrente pessoa jurídica, como se fosse uma poupança, mas com maior rentabilidade.

Precisou de atendimento para resolver um problema ou tirar uma dúvida? Use o app também. Por lá, é possível fazer todo o atendimento necessário, com especialistas e chatbots para conseguir resolver suas demandas. Há opção de chat ou telefone para falar com os atendentes.

Quer fazer um depósito? Os bancos digitais te deixam gerar um boleto bancário, pagar e ter o dinheiro creditado na conta empresarial do correntista. Vai sacar? Pode fazer transferências sem taxa, ou um PIX, para suas contas convencionais ou, em alguns casos, usar a rede Banco 24 Horas.

Nas contas digitais de pessoas jurídicas, é possível também ter saques ilimitados, emissão de boletos e algumas até maquininhas de cartão. Isso depende muito da instituição financeira que sua empresa escolher, mas com certeza os benefícios são maiores que dos bancos tradicionais.

Esses benefícios têm atraído, principalmente, as pequenas e médias empresas, que precisam ter muito cuidado com o pagamento de tarifas desnecessárias. Essas cobranças excessivas podem prejudicar, e muito, o caixa da empresa.

Banco digital X Banco tradicional

Pode-se dizer que a principal diferença entre banco online e banco tradicional é a comodidade de como tudo pode ser feito.

A abertura da conta PJ digital é feita totalmente pelo celular, sem a necessidade de ir até uma agência e todos os serviços costumam ser disponibilizados por um app.

Talvez a diferença mais atrativa seja a tarifa de manutenção de conta digital PJ, pois a maioria dos serviços têm taxas mais baratas ou até mesmo isentas.

O atendimento é mais rápido, simples e prático, podendo resolver tudo via chat, chat bot ou telefone.

A transparência também costuma ser um ponto forte dos bancos digitais em relação aos bancos tradicionais. A prova disso é a divulgação gratuita de conteúdos sobre educação financeira.

Bancos digitais são seguros?

Diante de todas essas facilidades, é comum ter essa dúvida sobre segurança. Principalmente quando se compara ao cenário que os bancos tradicionais atuavam, cobrando taxas de tudo.

Encontrar serviços com isenção de taxas, que te remuneram com taxas mais atrativas que a poupança e tantos outros benefícios, fica sempre a dúvida de ser ou não confiável.

A questão é que os bancos digitais pj surgem como um verdadeiro aliado às pessoas empreendedoras. Afinal, quanto mais a empresa crescer e lucrar, mais serviços do banco ela irá contratar e também lucrar com isso. É a verdadeira relação de ganha/ ganha.

Por isso, se há alguma dúvida sobre segurança, pode tirar isso da cabeça. Mas é claro que alguns cuidados são necessários. O primeiro deles é confirmar se o banco digital pj que você está pensando em contratar é regulamentado pelo Banco Central.

Banco digital PJ: veja como escolher o melhor

Para te ajudar a entender e escolher qual o melhor banco digital para empresas, é importante levar em consideração, primeiro, o perfil da sua empresa e quais serviços são essenciais para ela.

Confira alguns pontos a serem analisados:

  • Taxa de manutenção: não pagar por isso significa mais economia para sua empresa
  • Anuidade de cartão de crédito: muitos bancos digitais PJ oferecem a isenção dessa taxa. É necessário verificar se essa isenção vai reduzir o limite do cartão.
  • Emissão de boletos: esse serviço pode ser o diferencial que você precisa para oferecer mais métodos de pagamentos para seus clientes
  • Taxas de juros: avalie todas as taxas de juros que serão cobradas e em quais situações. Quanto mais longe você ficar de taxas abusivas, melhor para sua empresa.

Conseguir encontrar o melhor banco digital pj que ofereça todas essas funcionalidades e sem cobrar taxas excessivas ou oferecê-los de forma gratuita é o ideal. A Cora é uma conta pj online gratuita, livre de burocracias e com cadastro em minutos. Ideal para quem empreende.

Na Cora, você tem emissão de boletos gratuitos e ilimitados, projeção do fluxo de caixa, pagamento de contas e impostos, cartão empresarial Visa sem anuidade, suporte no app e acesso múltiplo para sócios. Abra sua conta.

Este conteúdo foi produzido pelo time da nossa parceira Cora, uma Conta Digital PJ criada por empreendedores e para empreendedores, projetada para libertar quem empreende de burocracias e taxas abusivas e descomplicar a gestão financeira do pequeno negócio.

A conta Cora oferece um leque de soluções, que vão desde a emissão de boletos e transferências PIX gratuitas e cartão de crédito PJ sem anuidade até uma ferramenta completa de gestão de cobranças.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Correio Braziliense.

Categorias:
Sem categoria