The Notícia

Fundador do Correio Braziliense deu à Rainha Elizabeth II uma de suas coroas favoritas

Assis Chateaubriand era um dos homens mais poderosos e temidos do Brasil na década de 1950. Grande nome para a imprensa brasileira, ele foi o criador do Diário dos Associados, tinha os maiores jornais e revistas do país e ainda foi o responsável pela vinda da TV para o Brasil, fundando a Tupi, em 1950.

Chateaubriand também foi o fundador do Correio Braziliense, em 21 de abril de 1960, juntamente com a inauguração da cidade e da TV Brasília.

Jornalista, escritor, advogado, professor de direito, empresário e mecenas, ele também se envolveu com política, sendo senador entre 1952 e 1957, além de ocupar o posto de embaixador em Londres.

O influente ainda foi responsável por escrever mais de 11 mil artigos e ocupar a cadeira 37 na Academia Brasileira de Letras.

Em 1953, quando a Rainha Elizabeth II foi coroada, foi Assis Chateaubriand quem a presenteou com joias brasileiras, enviando brincos e um colar de aquamarinas. A rainha gostou tanto das peças que pediu para fazerem uma coroa para completar o conjunto.

Em sua única visita ao Brasil, Elizabeth II ganhou novas pedras que foram incorporadas às peças.

As joias brasileiras se tornaram umas das favoritas da rainha, que já as usou várias vezes. Em 2006, quando recebeu o ex-presidente Lula no Palácio de Buckingham, fez questão de usar o conjunto.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Correio Braziliense.